top of page
  • gedianebfb

Salão de Festa em Condomínio - regras e normas

Atualizado: 26 de jul. de 2021

Uma das grandes vantagens de morar em condomínio é poder usar o salão de festas para reunir a família e os amigos, não é verdade?


Afinal, ter um local específico deixa a reunião mais organizada, as pessoas ficam mais à vontade e o seu apartamento continua arrumadinho.


Além disso, o salão de festas é uma economia no orçamento, já que você não precisará alocar um espaço específico.


A maioria dos prédios residenciais disponibiliza um local para a realização de festas e reuniões.


Mas, para usá-lo e aproveitar a festa da melhor maneira possível, é preciso seguir algumas regras.


Assim, se você mora em condomínio e está planejando comemorar uma data especial, continue a leitura.


A seguir, vamos explicar como funcionam as regras de utilização dos salões de festas nos condomínios.


Salão de Festa em Condomínio - principais regras


Para uma convivência harmoniosa e para que todos possam aproveitar as áreas comuns, os condomínios residenciais costumam estipular regras de utilização.


Elas podem mudar de acordo com o que for determinado nas assembleias internas de cada condomínio.


Sendo assim, não existe uma norma geral aplicada e, sim, determinações estabelecidas de acordo com a necessidade dos moradores.


No geral, no entanto, existem alguns pontos em comum utilizados pelos prédios - e é sobre eles que vamos falar. Confira!


Agendamento e limpeza


Seria uma situação muito desagradável encontrar o salão de festas ocupado bem no dia em que você tinha marcado uma reunião com os amigos, não é verdade?


Exatamente para evitar este tipo de situação é que os condomínios agendam datas e horários para usar as áreas comuns, principalmente os espaços de festas.


Assim, antes de marcar alguma comemoração, procure a administração do prédio e saiba quais são as datas e horários disponíveis.


Se acaso 2 moradores quiserem agendar no mesmo dia, a prioridade é de quem entrou em contato com o síndico primeiro.


É bom já ter estipulado o número de convidados antes de tentar marcar a data. Isso ajuda a organizar tudo conforme o planejado e o suportado pelo local.


Procure saber também com que antecedência deve procurar o responsável pelo salão, para não correr o risco de perder a vaga.


E lembre-se de evitar usar o salão sem agendamento, pois em alguns condomínios, esta

atitude pode resultar em multas.


Ao agendar uma data, o morador deve se comprometer com a limpeza e a organização do salão após a festa.


Isso pode ser feito pelo próprio morador ou, então, pode ser cobrada uma taxa de limpeza.

Geralmente, as providências pós-festa variam de condomínio para condomínio.


No momento em que combina uma data, o morador assina um termo de responsabilidade se comprometendo a cumprir todas as regras preestabelecidas.




Lei do silêncio


Uma das regras mais importantes para respeitar durante as festas é a lei do silêncio. Ela é uma lei não só condominial mas, também, de esfera nacional.


Assim, desrespeitar esta regra pode trazer problemas não só para o organizador da festa como, também, para o condomínio.


Então, quando for reunir convidados, lembre-se que das 22 horas às 7 horas é preciso fazer o mínimo de barulho. Ou seja, abaixar o tom de voz e diminuir o volume ou desligar a música.


Aliás, alguns locais não permitem música ao vivo, exatamente por este motivo.

Isto não significa que a festa precisa acabar mas, sim, que deve passar a ser mais silenciosa.


Danos ao condomínio


É importante manter o local do mesmo modo que o encontramos, para que o próximo a usar possa aproveitar tanto quanto o aproveitamos, certo?


Então, o morador e os convidados precisam tomar alguns cuidados durante os eventos para que nada no salão de festas seja danificado.


Antes e depois das festas nos salões, o síndico fica responsável por vistoriar a área. Isso ajuda a manter o local organizado e pronto para receber convidados.


Durante esta vistoria, é possível saber se houve algum dano ao salão - como, por exemplo, portas ou janelas quebradas ou se falta algum item.


Assim, ao reservar a data, o morador se torna responsável por manter tudo em ordem antes, durante e depois da festa.


Caso aconteça algum acidente, avise a administração do prédio. Eles vão informar qual o procedimento nesses casos.


Durante as reuniões de condomínio, os moradores e o síndico entram em acordo sobre a melhor maneira de utilização dos espaços.


Para saber o que é ou não permitido e como agendar um horário para usar o salão de festas do seu condomínio, procure a administração do seu prédio.


Se gostou deste artigo e quer saber mais sobre regras de condomínio e dicas de organização e decoração do seu apartamento, acesse o blog da Santos Edificações.



501 visualizações0 comentário

Commentaires


  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
bottom of page